9 exercícios para chapar barriga sem precisar fazer abdominais

Se fazer abdominais é um sacrifício para você, saiba que existem outros exercícios para perder barriga que podem te ajudar a eliminar as gordurinhas da região sem passar pelo sofrimento das abdominais.

Para te ajudar a conquistar a barriga chapada que tanto sonha, indicamos os principais substitutos das abdominais que vão te salvar na malhação. E o melhor: eles podem ser feitos em casa! Além disso, separamos dicas valiosas de alimentação para ajudar a secar.

1. Prancha frontal

Deite de bruços (com a barriga para baixo) e deixe os cotovelos apoiados no chão, na linha dos ombros. Faça movimento para elevar o tronco, sempre contraindo o abdômen. Durante o exercício, mantenha o corpo totalmente reto, sem levantar o bumbum ou abaixar o quadril. Permaneça no alto de 5 a 10 segundos e repita por 6 vezes.

2. Elevação lateral de pernas

Deite de lado, deixando a coluna reta. As pernas devem ficar estendidas na linha do tronco, colada uma a outra. Apoie a cabeça em uma das mãos e deixe a outra no chão, à frente do tronco.

Eleve as duas pernas juntas, sem separá-las, e solte devagar. Esse movimento vai contrair a lateral do abdômen. Para intensificar, é possível usar caneleiras. Faça de 2 a 3 séries de 12 a 15 vezes para cada lado.

3. Ponte

Deite com a barriga para cima. Flexione os joelhos, de forma que os pés fiquem encostados no chão. Assim, seu corpo estará apoiado pelos pés e ombros. Deixe os braços esticados no chão, junto e ao longo do corpo. Nessa posição, eleve o quadril o máximo que conseguir e volte. Faça 3 séries de 15.

4. Elevação com joelhos dobrados

Essa opção é ideal para quem sofre com dores nas costas. Deitada, com a barriga para cima, flexione os joelhos em direção ao peito. Estenda as pernas de forma que os pés apontem para cima. Faça de 3 a 6 séries de 20 repetições ou turbine com 3 séries de 20 repetições + 3 séries de 30 segundos.

5. Prancha lateral

Você vai precisar deitar de lado e ficar apoiada no braço que está encostado no chão, mais especificamente no antebraço. O braço que estiver em cima pode ficar esticado ou junto ao corpo. Deixe o corpo estendido, com as pernas retas, apoiadas no chão. Nessa posição, abaixe o quadril até chegar próximo ao chão e eleve, por 30 segundos. Faça 2 séries de 10 ou 3 de 15, dependendo do seu preparo físico.

6. Elevação de pernas e tronco

Deite de barriga para cima e deixe o corpo reto, com pernas estendidas e juntas. Suba, ao mesmo tempo, o tronco e as pernas (você vai ficar sentada, apoiada no chão apenas pelo bumbum).

Para fazer da forma certa, mantenha sempre o abdômen contraído, as costas retas e as mãos na altura dos joelhos. Fique nessa posição de 5 a 10 segundos e repita 6 vezes.

7. Agachamento

Ideal para fortalecer bumbum e coxas, mas também ajuda a definir o abdômen. Fique de pé e deixe os pés afastados, na mesma linha dos ombros. Fique reta, olhe para frente, estique os braços para frente para ter equilíbrio e agache.

Durante o movimento, seus joelhos devem passar a linha dos pés (verticalmente, olhando de cima), o quadril deve passar da linha do joelho (horizontalmente, ou seja, quadril mais próximo do chão do que os joelhos) e os pés devem ficar completamente apoiados no chão, sem levantar o calcanhar.

8. Elevação das pernas unidas

Deitada, de barriga para cima, posicione as duas mãos embaixo do quadril, servindo como apoio ao corpo. Estique as duas pernas para cima, formando um ângulo de 90 graus.

Mantenha a posição por 30 segundos ou faça 2 séries de 10 ou 3 de 15, descendo a perna até quase encostar no chão. Caneleiras também podem potencializar.

Flexão lateral

Fique de pé, com os pés paralelos e pernas levemente afastadas. Segure um halter em uma das mãos. Faça uma flexão para a lateral do corpo que não está com o peso (ou seja, se segurar com a mão direita, incline o corpo para a esquerda, e vice-versa). Durante o movimento, a mão que não segura o halter deve estar junto à perna. Faça de 2 a 3 séries de 15 a 20 para cada lado.


Gostou? então deixe seu like!